Abertura de firma permite reconhecimento de assinatura

A abertura de firma consiste no arquivamento de determinada assinatura no Cartório de Notas, em que o tabelião, que é munido de fé pública, comprova a autenticidade da mesma, garantindo segurança aos atos praticados.

O procedimento permite que posteriormente possa ser feito o reconhecimento da assinatura por semelhança, ou seja, quando não é preciso a presença da pessoa para que a assinatura dela seja atestada como autentica.

O reconhecimento de firma pode ser realizado com valor econômico ou sem, variando a taxa de cada um. O que possui valor aplica-se aos documentos que envolvem compra, venda, locação ou quitação de bem móvel ou imóvel, já o sem valor aplica-se aos documentos simples como as declarações.

É importante ressaltar que deficientes visuais também podem realizar a abertura de firma, sem a necessidade de serem acompanhados por testemunhas, já que a comprovação feita no momento do ato é suficiente.