Saiba como realizar o inventário extrajudicial e conheça o inventário negativo

O inventário é o procedimento realizado após o falecimento de uma pessoa para fazer o levantamento do patrimônio que foi deixado, e possibilitar a partilha entre os herdeiros.

No documento constam todos os bens e dívidas do falecido. Porém, é importante ressaltar que as dívidas não são repassadas, o espólio é responsável por quitar os débitos em aberto.

Para a realização em Cartório de Notas, é necessário cumprir os seguintes requisitos:

– Consenso entre todas as partes

– Que todos sejam maiores e capazes

– Presença de advogado

Quando o falecido não deixa patrimônio para ser partilhado é necessário fazer por meio de uma declaração judicial ou escritura pública o inventário negativo. O documento é necessário para comprovar a credores que não existem meios de quitar as dívidas ou para que o cônjuge sobrevivente possa escolher o regime de bens de um novo casamento ou união estável.